Focaccia de Frutas Vermelhas, Alecrim e Cacau


Amigo, se você estiver lendo o título desse post e pensando “WTF?!?!?!?!”, dá uma chance. O máximo que vai acontecer é você aproveitar a receita da massa e trocar os extras por azeitona, tomate e tal. Que fica uma super delícia e confesso, é muito mais versátil. Mas tem dias que a gente está atrás de algo diferente, pois mesmo o clássico sendo perfeito, as vezes o imperfeito é o que nos deixa mais feliz. Essa focaccia é imperfeitamente deliciosa, imperfeitamente bonita… e uma boa surpresa para o paladar. Quem não gosta de frutas vermelhas, né?

IMG_3507 IMG_3525IMG_3487

Eu adoro misturar doce com salgado. Sou do tipo que come biscoito entre um pedaço e outro de sanduíche. No começo do mês, comprei um vidrinho de cacau tostado em uma feira de rua, e tive a certeza que não ia usar para doce. Fiquei pensando em carne, em salada… aí fui fazer essa focaccia. Depois da primeira crescida, coloquei as frutas, o alecrim e de repente, lembrei do cacau. Que lembrança feliz, pois casou super bem. O resultado final tende mais para o salgado, e fica ótimo com um pouquinho de azeite e um queijinho de cabra para acompanhar.

IMG_3498IMG_3504 IMG_3490

E é exatamente isso que estou fazendo agora, comendo essa focaccia com azeite, escutando Chico Buarque, e bebericando um prosecco (eu amo cerveja, mas o simples fato de que beber prosecco aqui fica tão ou mais barato quanto beber cerveja, me faz optar pela primeira). Acho que a única coisa que faria diferente da próxima vez, é cortar o morango em pedaços menores para não afundar tanto a massa. E nem sei, viu? Até isso faz parte dessa imperfeição bonita. O que vocês acham?

IMG_3526 IMG_3508


FOCACCIA DE FRUTAS VERMELHAS, ALECRIM E CACAU
(Rende uma Focaccia super fofinha de aproximadamente 40cmx30cm)

Ingredientes

450g de farinha para pão e mais para polvilhar
1 colher de chá de sal
1 sachê (~7g) de fermento biológico instantâneo
1 colher de sopa de açúcar
1/4 de xícara + 4 colheres de sopa de azeite
1 1/4 de xícara de água morna
2-4 ramos de alecrim
400g de frutas vermelhas (eu usei 200g de morango e 200g de cereja)
1 colher de sopa de cacau tostado em pedacinhos
Sal marinho e açúcar cristal para polvilhar

Instruções

Em uma tigela grande, misturar farinha e sal. Em uma outra tigela misturar água, azeite, açúcar e fermento (eu sei que o fermento instantâneo não precisa ser “alimentado” e pode ser misturado diretamente na farinha, mas é costume). Picar metade do alecrim em pedacinhos bem pequenos. Juntar a mistura de água à farinha e incorporar com uma colher de pau. Colocar a massa em uma superfície levemente enfarinhada e sovar por uns 5-10 mins até obter uma bolinha lisinha. Durante o processo, ir juntando o alecrim picado aos pouquinhos. Alternativamente, você pode fazer na batedeira com o gancho de massa, é o método que eu uso quando estou em casa. Colocar a massa em uma tigela untada com azeite, cobrir, e deixar crescer em um lugar quentinho até dobrar de tamanho (aproximadamente 1 hr).

Picar as frutas vermelhas em pedaços pequenos e separar as folhas da outra metade do alecrim, descartando o caule principal. Colocar 3 colheres de azeite em uma forma rasa de 40cmx30cm e espalhar bem. Amassar levemente a massa para retirar o ar e colocar na forma untada. Esticar um pouco e virar a massa, para cobrir o outro lado de azeite também. Terminar de esticar até ocupar toda a superfície da forma. Fazer uns furinhos com os dedos e colocar as frutas, o cacau e as folhinhas de alecrim. Cobrir e deixar crescer por mais 45 mins – 1 hr, até quase dobrar de tamanho. Pré-aquecer o forno a 220 graus C.

Antes de colocar no forno espalhar a última colher de azeite por cima da massa e polvilhar com um pouco de açúcar cristal e sal marinho. Assar por 25-40 mins, até que a superfície da focaccia fique dourada.

Comer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *